Inovação e design fomentam negócios na 21ª Fenova

Marcas investem em processos criativos e apresentam novos posicionamentos de mercado. Foto: Christyam de Lima.

 

O segundo dia da 21ª Fenova reforçou ao mercado o potencial produtivo e criativo das marcas do polo calçadista de Nova Serrana. Pelos estandes e corredores da feira, lojistas puderam conhecer as novidades para o outono inverno 2018, apresentadas com muito estilo. Visitando a Fenova pela primeira vez, Cristina Oliveira tem uma butique em Nova Serrana. Para a empresária, é muito importante visitar a Fenova, mesmo que não venda calçados em sua loja. “A Fenova me ajuda a ver o movimento do mercado. Se os lojistas e os fabricantes estiverem animados e fazendo negócios, é sinal de que o comércio, de forma geral, acompanha esse ritmo. Além disso, as coleções estão bem condizentes com o que tenho buscado para os próximos meses em minha loja, estou me inspirando ainda mais”, afirma.

Com mais de 20 anos de mercado, a Sapataria Barrense (Barra do Piraí/RJ) busca, através da Fenova, produtos diferenciados para seu ponto de venda. “Os calçados de Nova Serrana são muito bem aceitos pelos meus clientes e a Fenova sempre nos mostra novidades interessantes. Estou gostando muito do que vi até agora”, declara o lojista Carlos Faria. A empresa vende calçados em geral. Além do preço competitivo, a evolução da qualidade dos calçados produzidos no polo foi reconhecida pelos lojistas. “Encontramos várias opções de calçados em Nova Serrana, com preços acessíveis. São produtos que têm boa procura e os clientes gostam muito. Ao longo dos anos, percebemos que a qualidade dos produtos também tem melhorado”, comentam Leonardo Lopes e Celma Maria Lopes, lojistas da CM Calçados. Com duas lojas em Cristiano Otoni/MG, a empresa tem 20 anos de mercado e já participa da Fenova há várias edições.

 

Pelos estandes e corredores da 21ª Fenova, lojistas conhecem as novidades para o outono inverno 2018, apresentadas com muito estilo. Foto: Christyam de Lima.

 

Os calçados de Nova Serrana têm conquistado espaço no mercado pela criatividade e originalidade atreladas à qualidade e ao baixo custo. A empresária Neyla Venâncio, proprietária de marca homônima, trabalha com os produtos de Nova Serrana há 15 anos na cidade de João Pessoa/PB. “As fábricas conseguem captar as tendências mundiais da moda e oferecê-las com preço justo e qualidade, valores fundamentais nesse momento em que o mercado anda tão seletivo”, justifica. Venâncio também conta que, há um ano, atua também no mercado online e que, para a loja virtual, a qualidade e o preço dos calçados de Nova Serrana têm peso ainda mais importante na hora de fechar uma venda. “Esses fatores, que já são diferenciais fortes, acabam sendo decisórios no mercado online: como não há a experiência de compra de uma loja física, o cliente quer preço e consegue pesquisar com muito mais facilidade”, explica.

As marcas Charmosa Chic e Charmosinha Chic entenderam essa mudança de comportamento e passaram a investir mais no mercado digital. Em dois meses após a reformulação de suas contas no Instragram, as marcas ultrapassaram, juntas, 3000 seguidores. “Utilizamos o nosso marketing digital para fortalecer a marca e favorecer a venda. Com os números que apresentamos, o cliente enxerga nosso produto como objeto de desejo do consumidor final”, ressalta Amanda Santos, gerente comercial das marcas. Santos também conta sobre o novo posicionamento das marcas. Em sua quarta edição na Fenova, a Charmosa Chic e a Charmosinha Chic apresentam uma nova identidade visual. Com uma proposta que separa os públicos e os une de forma estratégica, a Frad Calçados, detentora das marcas, já colhe os frutos da mudança. “O resultado da participação na Fenova está sendo extremamente positivo. Estamos num processo de reformulação da marca e do nosso posicionamento e a feira favorece e endossa isso. Os visitantes do estande estão receptivos, apaixonados e elogiando muito, o que gera negócios durante e depois do evento”, esclarece a gerente comercial.

 

Os calçados de Nova Serrana têm conquistado espaço no mercado pela criatividade e originalidade atreladas à qualidade e ao baixo custo. Foto: Christyam de Lima.

 

Outra marca que trouxe mudanças ao estande foi a Zareia. Participando pela quarta vez da Fenova, a empresa refletiu em seus produtos o seu momento de reestruturação. Desde 2017, a Zareia passou a ter um setor de desenvolvimento interno e a investir mais no fortalecimento comercial da empresa. “Seguir as tendências e, com elas, imprimir a identidade da marca nos calçados, tem nos dado um retorno muito bom. O consumidor percebe essa preocupação com a originalidade. Esta é uma das melhores feiras que participamos e acredito que isso é o resultado de um trabalho que vem sendo desenvolvido há mais tempo”, garante Sidália Ferreira, proprietária da marca. Para Ferreira, o investimento no processo criativo despertou a empresa para uma realidade mais competitiva. “Investir em desenvolvimento é caro, mas dá retorno. Valorizar a criação é fazer com que a marca evolua e esteja sempre à frente da concorrência. Através da pesquisa, podemos oferecer novidades e acertar mais na aceitação do produto”. finaliza.

Realizada pelo Sindinova, a 21ª Fenova termina hoje, 1º de março. O evento é apoiado pelo Sistema FIEMG, SEBRAE/MG e Prefeitura Municipal de Nova Serrana.

 

 

Antônio Azevedo
Assessoria de Comunicação | Sindinova
(37) 3228-8500 | comunicacao@sindinova.com.br